Um Natal mais do que especial

A magia do Natal chegou para contagiar nossos lares, nossos sorrisos e nossos corações. Nos dias de hoje, não é difícil as pessoas presentearem outras com um animal de estimação, afinal, tem mimo maior do que receber uma fofurinha dessa em casa? Acontece que, dar como presente um cãozinho ou gatinho pode não ser uma boa ideia se existirem dúvidas a respeito do perfil e das condições da pessoa que receberá o presente. Não é à toa que os índices de abandono dos animais de estimação crescem ao decorrer das férias, afinal, as crianças, no calor do momento, se animam com os pets, enxergando-os como brinquedos e, logo após a fase da novidade, podem deixar toda a responsabilidade nas mãos dos pais, momento este em que os pets podem ter um destino feliz ou não.

Com certeza, abandoná-los não é a melhor escolha. Presentear com animais é um ato que exige cuidadosa reflexão. Uma posse responsável significa averiguar se o presente não será um incômodo para a pessoa que o recebeu, se ela tem apreço ou não por animal ou se está disposta a se responsabilizar ou não. Todos os membros da família devem estar de comum acordo com a permanência do bichinho de estimação em casa. A colaboração por parte de todos torna-se essencial para a boa convivência. É fundamental que o pet tenha passado por uma triagem veterinária para checar vacinação, vermifugação e higienização.

Além das festas, a primeira etapa de vermifugação do Vermivet também está chegando. De janeiro a abril, a dose de verão está aí para proteger o seu pet e sua família. Seja ele ganhado, adotado, achado ou comprado, a felicidade será completa só com uma proteção completa.